Abriu a época da caça

4 de julho de 2013



Objectos e/ou outras coisas que deverão manter afastados de mim nos próximos 3 meses:

- Dicionários da Porto Editora, independentemente da cor e do tamanho;
- X-actos;
- Tesouras, incluindo as que não cortam;
- Lápis afiados e canetas de bico fino;
- Agrafadores, com ou sem agrafos;
- Estagiários peso-pluma que possam ser arremessados sem dificuldade;
- Estagiários nem por isso peso-pluma mas que, após esforço, possam voar pelos ares;
- Pais que se demitem das suas funções (que nem sequer passam na escola a pedir a lista dos livros) e que só falta exigirem que sejamos nós, livreiros, a educar os seus filhos.

É que não há pachorra para tanto “deixa estar que eles resolvem...” 
E isto ainda só agora começou...

This entry was posted on 4 de julho de 2013 and is filed under ,,. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

3 Responses to “Abriu a época da caça”

  1. ui ui... a parte dos dicionários... estou a imaginá-los a pairar abertos ao meio, uma "asita" de cada lado, vários ao mesmo tempo, à espera de se atirarem eles próprios para a cabeça do próximo paizinho incompetente...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa é uma visão deliciosamente catártica. :)

      Eliminar
  2. Se uma pessoa não pensa em parvoeiras para se rir está perdidinha... ;-)

    ResponderEliminar